Muito utilizado em tratamentos médico-estéticos, é um método minimamente invasivo, que consiste em micro injeções com a finalidade de introduzir o produto adequado com doses mínimas e o mais próximo possível da área a ser tratada, com baixa absorção sistêmica (evitando desta forma a passagem pelo sistema sanguíneo).

Para que o tratamento se torne praticamente indolor, a Biomulher dispõe de um aparelho que incorporada a tecnologia de microelectrporação que permite num só disparo efetua várias perfurações que alteram através a permeabilidade da membrana da célula permitindo uma melhor absorção do produto por parte das células alvo.

O produto aplicado é escolhido pelo médico de acordo com o objetivo do tratamento, podendo ser utilizadas substâncias isoladas ou associadas em cocktails de vitaminas, nutrientes, aminoácidos, substâncias lipolíticas e refirmantes, extratos de enzimas e plantas, etc. Todas as substâncias são devidamente registadas com CE (certificado europeu) e tem eficácia comprovada.

A técnica é indicada para homens e mulheres e utilizada para o tratamento de: celulite, gordura localizada, estrias, flacidez, revitalização da pele e aumento da densidade capilar (alopecia/calvíce).

As áreas geralmente tratadas são: couro cabeludo, face, papada, pescoço, peito, região interna dos braços, mãos, abdômen, flancos, costas, região interna e posterior da coxa e glúteo.

Poucas são as contraindicações do procedimento como o neoplasia em atividade, patologias dermatológicas no local da aplicação, história de alergia às substâncias aplicadas, doenças autoimunes em atividade, patologias do sistema circulatório, uso de anticoagulantes ou antiagregantes plaquetários, gravidez e amamentação.

Geralmente o número de sessões vai depender do problema em questão a ser trabalhado. Cada sessão dura em média 15-30min e devem ser respeitados intervalos que variam entre 7 e 30 dias entre as sessões, dependendo do objetivo do tratamento.   Recomenda-se a manutenção mensal, trimestral e/ou semestral, conforme a evolução individual de cada pessoa. 

Cuidados antes, durante e depois das aplicações:

  • É recomendado que o paciente esteja com a pele limpa, livre de vestígios de produtos como hidratantes e maquiagens.
  • O uso de substâncias anticoagulantes como o ácido acetilsalicílico (AAS), deve ser interrompido dias antes da aplicação. Comunique ao médico para avaliação e autorização da suspensão do medicamento.
  • Durante e após o tratamento, o paciente deve optar por roupas com tecidos mais leves e suaves como o algodão, evitando o atrito com o local que está a ser tratado. Evitar principalmente jeans e roupas apertadas.
  • Não se expor ao sol durante o tratamento e até autorização médica.
  • Não consumir bebidas alcoólicas nas 48 horas seguinte
  • Se surgirem hematomas, o uso de gelo ajuda a minimizá-los e nesse caso é recomendável maior atenção para não expor a área ao sol. Os hematomas desaparecem espontaneamente em alguns dias. É impossível garantir que nenhum hematoma possa acontecer.
  • Eritema (vermelhidão), edema e prurido também podem ocorrer.
  • Alergias são investigadas previamente pelo médico, no entanto quando ocorre aplicação pela primeira vez da substância pode ocorrer sensibilização e reações alérgicas localizadas.
  • Dor local poderá ocorrer e depende da sensibilidade individual de cada paciente.
  • É importante não associar outros tratamentos sem o conhecimento ou consentimento do médico responsável.
  • Não massajar o local ou realizar atividade física nas 24 horas após o procedimento.